sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Conheça o lado zen da Itália


Em meio a tantos destinos e pontos turísticos, a Itália possui alguns lugares que podem ser um refúgio para quem procura admirar uma bela paisagem e ao mesmo tempo descansar, meditar e relaxar.  

Regiões que podem fazer parte do roteiro e transformar as férias em uma experiência única.

- Refúgio Lagazuoi:

No alto de uma montanha nevada nas Dolomitas, encontramos empoleirado o Refúgio Lagazuoi, uma espécie de abrigo muito frequentado por esquiadores ou turistas que planejam comer algo, descansar ou somente se aquecer um pouco. Este refúgio se encontra na montanha mais alta da região, oferecendo a melhor vista possível das Dolomitas! É uma paisagem maravilhosa, que nos encanta com sua grandiosidade e beleza. 

Além da bela vista e da boa comida, o Refúgio Lagazuoi também oferece uma sauna! Sim, uma sauna 2700 metros acima do nível do mar! A sensação de sair do frio congelante das dolomitas e entrar numa sauna é extremamente relaxante, ainda mais enquanto apreciamos a visão do mundo gelado lá fora. A visita ao lugar é uma experiência fantástica!

- Baglio Soría:

A Ilha da Sicília já é um paraíso na Terra por si só. Agora, dentro deste paraíso, podemos encontrar um outro paraíso: Baglio Soría Resort & Wine Experience! Próximo à cidade de Trapani, as belas instalações deste resort conjugam arquitetura e natureza para dar a maior sensação de paz e acolhimento possível! Tome um tempo para relaxar na piscina, faça uma degustação de ótimos vinhos ou aprecie o sol se pôr em meio às colinas cobertas com vinhedos. Independente da escolha, em Baglio Soría você sempre poderá relaxar e aproveitar seu tempo.


- Abano Terme:

A cidade de Abano Terme, na região do Veneto, é um destino muito procurado por turistas que querem relaxar e se purificar. A cidade possui diversas nascentes termais onde a água sai quase em ebulição! Após brevemente resfriada, essa água é direcionada para casa de banho e SPAs que fazem tratamentos com banhos de água e lama, que ajudam na cura de doenças do corpo e da alma. Uma ótima opção para relaxar e tomar um banho curativo!


- La Verna:

Em meio aos montes Apeninos Tosco-Emillianos, reside o santuário franciscano de La Verna, construído onde o próprio São Francisco teria presenciado a figura de Deus. Hoje, em meio à uma floresta de faias e abetos, o santuário é habitado por frades e é frequentado por turistas espirituais. O lugar possui uma energia acolhedora e alentadora, ótima para visitantes que procuram uma experiência monástica de devoção e reclusão. Muitas pessoas relatam que a visita é transformadora e muito profunda.



Fonte: Ana Grassi - especialista em cultura e turismo italiano.

Roteiro de viagem pelo inesquecível Jalapão


O Parque Estadual do Jalapão é um destino perfeito para quem curte viagens de natureza, ecoturismo e aventura. Situado no estado do Tocantins, ele conta com rios, cachoeiras, lagoas de águas cristalinas, muito verde, dunas e formações rochosas.

Suas áreas mais turísticas estão próximas às cidades de Mateiros, Novo Acordo, Ponte Alta do Tocantins e São Félix do Tocantins, e podem ser visitadas em qualquer época do ano.



A viagem começa em Palmas, capital tocantinense, que possui o aeroporto mais próximo do Jalapão. O ideal é reservar o primeiro dia para este trajeto e passar uma noite na cidade. Além de descansar, o viajante poderá conhecer um pouco deste adorável destino.

No dia seguinte, basta pegar a estrada até Ponte Alta do Tocantins. O trajeto tem 150 quilômetros e é asfaltado, mas dali para a frente, as estradas são de terra. Ponte Alta também é o último lugar do roteiro para adquirir itens essenciais para a viagem que tenham sido esquecidos, tais como protetor solar e repelente.

Apenas 15 quilômetros separam a cidadezinha do Cânion de Sussuapara, que possui paredões de pedra de 12 metros de altura e, ao fim da trilha, em um refúgio escondido, uma cachoeira refrescante.


A próxima atração é a Serra da Muriçoca, de onde é possível ver toda a imensidão do Jalapão e identificar a Serra da Jalapinha, a Serra do Espírito Santo e a Serra Geral da Bahia. Uma coisa é certa: a vista é deslumbrante! Para dormir, o ideal é escolher um alojamento próximo à cidade de Mateiros.

No terceiro dia da viagem, a Abreu sugere que os mais animados acordem cedo para ver o nascer do sol atrás da Serra do Espírito Santo. Mas o Jalapão não tem só atrações para ver, e sim muitas atividades para experimentar. Vale aproveitar a manhã para tentar praticar canoagem, rafting, rapel ou fazer uma trilha – seja a pé ou de bicicleta.



Conheça então alguma das praias do rio Novo, um dos maiores rios com água potável do mundo. Ele tem um fundo de areia branquinha que forma lindas praias de água doce, além de ser um ótimo lugar para tentar a canoagem.

Depois, é hora de ver de perto alguma das famosas dunas do Jalapão. Elas são formadas por areia de quartzo de cor dourada, e junto com os chapadões, veredas, falésias e lagoas, criam um cenário quase surreal.


No quarto dia, o viajante poderá conhecer uma das melhores partes do Jalapão: os fervedouros. Segundo a Abreu, eles são as atrações que os turistas mais querem ver no destino. À primeira vista, parecem poços de água cristalina, mas, na verdade, são a nascente de rios subterrâneos que, não tendo espaço para vazão da água, formam piscinas naturais. 


O curioso, no entanto, é que a pressão exercida pela água que jorra do lençol freático faz com que seja impossível afundar. Basta se jogar na água e curtir a sensação de flutuar sem esforço.


Há oito fervedouros em todo o parque, e todos ficam em propriedade privada, mas alguns são abertos para visitação, como o Bela Vista, o Buritizinhos e o Fervedouro do Soninho. Aproveite para também conhecer a Cachoeira do Formiga, uma queda d’água que forma uma piscina natural verde-esmeralda e cristalina.

Vale uma visita à Cachoeira da Velha, a maior do Jalapão, no quinto dia. Ela tem formato de ferradura e está sempre caudalosa, independente da época do ano. Não é permitido nadar, mas a paisagem é imperdível, e encerra o roteiro com chave de ouro. Depois disso, é só arrumar as malas e, no dia seguinte, partir novamente em direção a Palmas.


Fonte: Abreu - operadora de turismo especialista em levar turistas aos melhores destinos ao redor do globo / Fotos : Fávio Andre- MTur

Curitiba é finalista em premiação mundial de cidades inteligentes



Curitiba é finalista do World Smart City Awards 2019, premiação promovida pelo maior evento de cidades inteligentes do mundo, o Smart City Expo World Congress, que é realizado anualmente em Barcelona (Espanha). A capital paranaense disputa o prêmio principal, o City Award (Prêmio Cidade), ao lado de outras cinco cidades do planeta. Curitiba é destaque pelo Vale do Pinhão, movimento da Prefeitura e do ecossistema de inovação que promove o desenvolvimento sustentável.

A cidade tornou-se um importante palco de discussão sobre cidades inteligentes por sediar a edição brasileira do evento mundial, que em 2020 será nos dias 26 e 27 de março. “O Smart City Expo Curitiba despertou a atenção global para o Vale do Pinhão. Durante as duas primeiras edições do evento no Brasil, em 2018 e 2019, tivemos o Smart Plaza Vale do Pinhão no centro da área expositiva. 


Na primeira edição, foram apresentados mais de 80 pitchs de startups de tecnologias e soluções da capital paranaense; na segunda foram cerca de 100 apresentações”, lembra Beto Marcelino, sócio e diretor do iCities, empresa especializada em soluções para cidades inteligentes que organiza a feira e exposição mundial no Brasil.

O World Smart City Awards reconhece projetos pioneiros, ideias e estratégias que promovam o desenvolvimento urbano em todo o mundo. Os vencedores, em sete categorias, serão anunciados no dia 20 de novembro, no Smart City Expo World Congress 2019. Curitiba, representada por meio do Vale do Pinhão, foi selecionada entre mais de 400 projetos criados por governos, empresas, centros de pesquisa e startups de 54 países.

- Iniciativas:

Nos últimos dois anos, poder público, startups, universidades, entidades de fomento à inovação e empreendedores trabalham juntos para desenvolver soluções inovadoras em áreas como mobilidade urbana, saúde, educação, meio ambiente, empreendedorismo e segurança alimentar.

Além de sediar o Smart City Expo Curitiba, outras iniciativas já implantadas na cidade são a programação intensa da Agência Curitiba para promover conexões entre empreendedores e a rede de inovação; a abertura dos Faróis do Saber e Inovação, onde estudantes podem construir protótipos com impressora 3D; o lançamento de aplicativos para aproximar Prefeitura e cidadãos, como Curitiba App, o Saúde Já e o 156Mobile; e a inauguração dos Worktibas Barigui e Cine Passeio, coworkings públicos.

A Prefeitura e empresários também estão reabilitando áreas urbanas da cidade, por meio de empreendimentos como o Engenho da Inovação, "coração" do Vale do Pinhão e sede da Agência Curitiba, e o Campus Rebouças de Inovação e Aceleração (CRIA), espaço privado que reúne startups, empreendedores da economia criativa e aceleradoras.

O município ainda relançou, em 2018, o Curitiba Tecnoparque, que oferece desconto de 5% para 2% no Imposto Sobre Serviços (ISS) a empresas que investem em tecnologia e inovação na capital. Como resultado, no primeiro trimestre de 2019, a arrecadação de Imposto sobre Serviço (ISS) cresceu 20%. As empresas do Tecnoparque geram 8,1 mil empregos diretos na capital.

- Smart City World Congress:

Maior evento de cidades inteligentes do mundo, o Smart City Expo World Congress será realizado de 19 a 21 de novembro em Barcelona. No ano passado, Curitiba já tinha sido finalista do World Smart City Awards com seu programa de Agricultura Urbana, que também integra o Vale do Pinhão.

Gestores públicos, empresários, investidores, pesquisadores, acadêmicos e demais interessados na temática de cidades inteligentes podem ir ao evento junto à comitiva oficial do Brasil, que é organizada pelas empresas iCities, Global Business Innovation Intelligence e La Salle Technova. Nos dois últimos anos, mais de uma centena de pessoas participou da visita técnica a Barcelona.

“A comitiva é uma iniciativa muito rica para fazermos projetos interessantes ao redor do mundo acontecerem aqui no Brasil. Vamos ver na prática não só soluções tecnológicas, mas também em nível institucional e social”, explica Marcelino.



Fonte: Stephanie D’Ornelas

Parque dos Romeiros terá esculturas em homenagem aos devotos


Uma das atrações do Parque dos Romeiros, que será construído na Rodovia dos Romeiros (GO-060), por meio de uma parceria público-privada entre a Cinq Desenvolvimento Imobiliário e a Prefeitura de Trindade, serão duas esculturas em bronze, que serão desenvolvidas pelo artista plástico grego, radicado em Goiânia desde 1957, Angelo Katenas. As obras de arte vão compor duas das chamadas Estações do Romeiro que são pontos de parada para oração, descanso e contemplação distribuídas em todo o do percurso realizado pelos devotos.

A Angelos Ktenas, que já é bastante conhecido pelo goianiense graças a suas mais de 70 intervenções em parques e bosques da capital, caberá homenagear, por meio da sua arte, as famílias devotas do Divino Pai Eterno, que movimentavam a romaria em procissão de fé, e aos carreiros, que são ícones do historicos do evento. As estátuas serão em tamanho real e serão divididas em dois pontos distintos dos quase 9 mil metros quadrados do parque.

“O trabalho já está em pleno desenvolvimento. Serão 5 esculturas, que tem a mais alta com dois metros e a menor com cerca de 1,5 metros. A família terá quatro componentes e o carreiro será sozinho”, explicou o artista plástico ao destacar que para desenvolver as esculturas buscou o sentimento e a fé dos romeiros de Trindade para inspirar sua arte.

Segundo Eduardo Oliveira, diretor de projetos da Cinq Desenvolvimento Imobiliário, as esculturas são uma homenagem à fé e a todos os romeiros que vão até Trindade demonstrar sua devoção. “O Parque do Romeiro será construído em uma rodovia emblemática. É um local em que a fé está presente em todas as ações, por este motivo resolvemos homenagear todos os devotos que, de alguma maneira, fazem questão de vir a Trindade demonstrar a sua crença”, disse Oliveira ao explicar por que as intervenções artísticas foram incluídas no projeto.

- O Parque do Romeiro: 

Com pedra fundamental lançada no último dia 27, o Parque dos Romeiros será uma área verde e de lazer com 9 mil metros quadrados, e que será entregue à população até maio de 2020. Será construído numa área pertencente ao recém-lançado condomínio ParqVille Quaresmeira, empreendimento da Cinq Desenvolvimento Imobiliário, empresa que está financiando o projeto e as obras da nova área de lazer.

Localizado às margens da Rodovia dos Romeiros (GO-060), o espaço será aberto à comunidade e servirá também como suporte para os visitantes da romaria ao Divino Pai Eterno, em Trindade. Projetado pelo renomado arquiteto e paisagista Guilherme Takeda - cujos projetos são conhecidos por suas propostas de coabitação harmoniosa entre pessoas e natureza - o Parque dos Romeiros será a primeira área verde da cidade destinada ao lazer, práticas de esportes e religiosidade. 

O espaço contará com pista de skate, pomar com frutas típicas da região, área coberta para que a população possa realizar eventos, como feiras, shows de pequeno porte, palestras, entre outros.


Fonte: Raquel Pinho