sexta-feira, 25 de junho de 2021

A gastronomia do mundo em uma cidade

De comida típica a chefs estrelados, Dubai oferece experiências culinárias para todos os perfis de visitantes

Com uma posição geográfica privilegiada, Dubai atrai nacionalidades e culturas de todas as partes do mundo. Essa diversidade é refletida em uma grande variedade de cozinhas que representam os sabores de mais de 200 nacionalidades que vivem na cidade e é também o que torna Dubai um destino único. 

Naturalmente, a gastronomia típica dos Emirados também tem seu espaço de destaque e eventos ao longo do ano, como o Dubai Food Festival, dão destaque aos pratos locais.

Antes das influências internacionais se entrelaçarem com a cultura local, a gastronomia dos Emirados já fazia parte da identidade de Dubai. Os antigos habitantes tinham que encontrar sustento no ambiente local, e como era um ambiente desafiador para a agricultura convencional, era necessário forragear plantas e árvores do deserto para se alimentarem. 

Os animais de criação, como cordeiro e camelo, eram usados para fornecer leite e carne. Os beduínos, nômades que viviam nos desertos, usavam técnicas especiais de cozedura, como o zarb, em que a carne é colocada num forno com brasas sob as areias do deserto.

Essa experiência pode ser vivida atualmente. Após um passeio pelo deserto de carro ou camelo, os anfitriões fazem um tour por uma vila beduína onde se pode observar as demonstrações de cozinha, provar o tradicional café árabe fresco e desfrutar da já reconhecida hospitalidade árabe. 

Uma outra forma de fazer uma imersão na história da gastronomia local é visitando o Sheikh Mohammed Centre for Cultural Understanding, localizado no bairro histórico de Al Fahidi. Lá, é possível experimentar uma refeição típica dos Emirados enquanto conhece ainda mais sobre as tradições e hábitos culturais da nação. 

Para mais experiências imersivas, a Culinary Boutique, em Jumeirah, oferece uma mistura de pratos europeus e especialidades locais. Esse é um ótimo local para provar pratos que refletem a diversidade cultural do emirado, sendo possível cozinhar alguns deles em uma aula de culinária oferecida pelo restaurante.

- Cidade multicultural, gastronomia diversificada:

Por ser um dos principais centros comerciais do mundo desde o século V, Dubai atraiu muitas nacionalidades, que fizeram um mix da sua própria cultura culinária com a da cidade. Hoje, é possível encontrar as mais diversas experiências gastronômicas de todo o mundo. A culinária coreana, por exemplo, está bem representada.

Para experimentar um churrasco coreano autêntico e barato, o Hyu, nas Jumeirah Lakes Towers, é uma ótima opção. Uma alternativa mais luxuosa é o Sonamu, no Asiana Hotel. Já a comida africana é representada por dezenas de excelentes restaurantes, como o Zagol com comida da Etiópia ou o Bab Al Mansour, perto do The Dubai Mall, com comida marroquina. Seja o que for, se estiver à procura de comida de uma origem em particular, Dubai é um local excelente para encontrá-la.

Por conta de sua reputação global como o destino dos sonhos para quem aprecia comida, a cena gastronômica de Dubai atraiu empreendedores que criaram uma série de restaurantes e cafés exclusivos. Muitos conceitos inovadores nasceram e se desenvolveram na cidade, à medida que uma variedade de chefs aproveitaram o espírito empreendedor que contribuiu para o rápido crescimento e desenvolvimento da indústria de Dubai.

O chef celebridade britânico Gordon Ramsay tem dois restaurantes no emirado: o Bread Street Kitchen no Atlantis, The Palm e o Hell’s Kitchen, no Caesars Palace no Bluewaters Dubai. Outros grandes nomes incluem o chef francês Alain Ducasse, com o miX no Emerald Palace Kempinski, e Heinz Beck, com o Social no Waldorf Astoria Dubai Palm Jumeirah.



Fonte: Daniel Damasio 

Nenhum comentário:

Postar um comentário