quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Empresas brasileiras retornam de Lima, no Peru, com USD 1,7 milhões projetados em negócios


Participação das empresas brasileiras durante a ExpoDetalles reafirmou o protagonismo do país como referência em design e inovação de produtos de moda na América Latina


Acaba de sair o levantamento de negócios gerados pelas empresas brasileiras que representaram o setor de componentes para calçados e moda durante a ExpoDetalles, que aconteceu de 7 a 9 de agosto,na cidade de Lima, no Peru - evento internacional que ocorre uma vez ao anoe reúne diversas empresas de componentes para calçados, couros, acessórios, produtos químicos, máquinas e tecnologias calçadistas e inovação para a indústria.

As ações aconteceram pelo Programa By Brasil Components MachineryandChemicals — ação de incentivo às exportações executada em parceria entre a Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), que conta com parceria com a Associação Brasileira das Indústrias de Máquinas e Equipamentos para os Setores do Couro, Calçados e Afins (Abrameq).

Os três dias geraram estimativa negócios de USD 1.727.000,00 em negócios, sendo USD 259.000,00 em negócios imediatos e USD 1.468.000,00 para os próximos 12 meses. Entre as empresas que representaram o Brasil estão Altero, Biatex, FAF Couros, Isa Tecnologia, Maquetec, Máquinas ERPS, Máquinas Kehl, Mecsul, Química Carioca, SMS Metais e Tecnomaq.

Além da participação das empresas, o Brasil realizou uma série de ações. Um dos destaques foi a Palestra de Inspirações – ciclo de palestras voltado à qualificação de profissionais da indústria da moda, onde os visitantespuderam conferir as inspirações e próximas tendências que envolverão as futuras coleções e construções da moda. 


A ExpoDetalles também contou com o Espaço Inspiramais, com os lançamentos e novidades em tecnologia, design e inovação das empresas verde-amarela – uma demonstração do que foi o Inspiramais,realizado em São Paulo– único Salão de Design de Materiais da América Latina.

O Peru é um dos mercados mais promissores para a indústria brasileira. Entre os cinco maiores produtores de calçados da América Latina, o Peru tem aberto oportunidades para o estreitamento comercial entre nossos fabricantes de componentes para calçados e moda. O país produz 56 milhões de pares por ano e têm preferência tarifária para importar componentes brasileiros, tendo o Brasil como importante fornecedor componentes, químicos e máquinas para couro e calçados.

Em 2018, as empresas peruanas importaram US$18,4 milhões, valor que simboliza crescimento de 15% frente ao ano anterior. Nesse contexto, o Peru figura entre os 10 principais destinos das exportações verde-amarelas do setor.



Fonte: Carlos Lopez

Nenhum comentário:

Postar um comentário