quarta-feira, 3 de julho de 2019

Saiba como trocar moedas exóticas com praticidade


É comum e não é segredo para ninguém que quem viaja para os Estados Unidos deve trocar Reais por Dólares ou quem vai à maior parte dos países da Europa, leva Euros. Mas e quem vai para outro destino, como Japão, Canadá ou Austrália, faz o quê?

Muitas pessoas, por falta de informação, acabam trocando seus Reais por Dólares ou Euros, que são moedas aceitas em todo o mundo. Mas, depois, ao chegar ao destino, acaba fazendo o câmbio para moedas locais. Esse é o trâmite mais comum, mas que nem sempre é o mais indicado e rentável. 

O que a maior parte das pessoas não sabe é que aqui mesmo no Brasil, nas lojas de câmbio do Banco Daycoval, além das moedas mais tradicionais – Dólar e Euro –, é possível encontrar 20 outras moedas em espécie, sendo que algumas podem ser carregadas também no cartão de viagem pré-pago.

As quatro moedas mais procuradas são: Libra Esterlina, Iene japonês, Dólar Canadense e Dólar Australiano. Mas é possível trocar reais também pelos Yuan (China), Shekel (Israel) e Rand (África do Sul).

“Oferecer moedas não convencionais aos turistas e estudantes é uma forma de o Daycoval ajudá-los no planejamento e nos custos da viagem”, explica o diretor da área de câmbio turismo do Banco Daycoval, Eduardo Campos.

O especialista ainda explica o que fazer com o dinheiro que sobrou da viagem. “Dólar, Euro, Libra e Iene, são moedas mais tradicionais e não tendem a perder valor, por isso indicamos a guardá-las para a próxima viagem. 

Mas outras moedas com menos liquidez internacional ou de países com economias que sofrem oscilações, o melhor é voltar à casa de câmbio e trocar as sobras novamente por reais”, conclui Eduardo.

O Daycoval Câmbio aceita comprar todas as moedas internacionais que negocia.


Fonte: Eduardo Campos -diretor da área de câmbio turismo do Banco Daycoval.

Nenhum comentário:

Postar um comentário