terça-feira, 4 de junho de 2019

Campos do Jordão é o destino preferido dos casais apaixonados.


Campos do Jordão é uma cidade apaixonante.A cada estação o verde dos campos de altitude e das florestas de Araucárias ganha novos contrastes com o azul anil do céu, e os raios do sol que penetram na paisagem montanhosa transformam o cenário em um paraíso na terra.

Este cenário natural juntamente com as características europeias da cidade formam um par perfeito. As construções no estilo enxaimel, típico da Alemanha, e o clima serrano com temperaturas agradáveis o ano inteiro explicam o sucesso do casamento entre a obra divina e a obra criada pelas mãos do homem. Fácil entender porque Campos do Jordão é o destino preferido dos casais apaixonados. Nas próximas linhas você vai conhecer alguns passeios para o dia dos namorados.


- Roteiro a dois:

Em Campos do Jordão não faltam lugares encantadores para expressar sentimentos. Nos jardins do auditório Cláudio Santoro, o museu Felícia Leirner tem uma atmosfera romântica ideal para passeios a dois. Lá, flores e pássaros silvestres se misturam com as esculturas da artista plástica.

São 350 mil metros quadrados de área preservada onde as obras interagem com Pinhos Bravos e Araucárias. As 85 peças figurativas e abstratas expostas a céu aberto parecem brotar como flores no meio da vegetação. O percurso tem 900 metros. Próximo do final, nos galhos de uma árvore, pendurados como folhas estão trechos de poemas. A leitura dos versos serve de inspiração para subir até o mirante e, quem sabe, lá de cima, com a pedra do Baú ao Fundo, pedir a mão de sua amada em casamento.


O local é deslumbrante e proporciona uma visão de 360 graus da serra da Mantiqueira. Durante a temporada de inverno eventos de música, dança, teatro e poesia brindam os visitantes nos finais de tarde. Um ingrediente extra para aumentar ainda mais o romantismo entre os casais.

- Amor radical:

No Horto Florestal de Campos do Jordão há 8.341 hectares de mata preservada, o equivalente a 11 mil campos de futebol. Lá dentro existem trilhas, cachoeiras e uma agência interna de ecoturismo para os casais que preferem curtir o dia dos namorados com adrenalina. A pista de arvorismo conta com oito pontes e uma tirolesa de 60 metros de extensão.

Tem também opções para os apaixonados por bikes. A trilha da Cachoeira da Galharada é repleta de galhos pelo caminho. São 4.600 metros de mata fechada, mas é possível pedalar sem muito esforço porque as subidas são leves. Se os namorados não levarem as bicicletas, podem alugar na mesma agência de ecoturismo.


- À luz de velas:

Imagine um espaço exclusivo onde as paredes foram transformadas em obras de arte. Sobre cada mesa, velas iluminam o ambiente enquanto casais apaixonados celebram o amor. Assim será a noite mais romântica do ano no restaurante Pennacchi do hotel Toriba.

Para uma data tão especial, o chef não economizou sentimentos na elaboração do cardápio. O menu traz couvert de fogaccia quente com compota de berinjela siciliana e patê de funghi seco. Há ainda duas opções de entrada em um prato intermediário.


Já o prato principal traz camarão flambado com champanhe guarnecido de purê de mandioquinha, escalope de filé ao molho de chocolate com pimenta acompanhado de fetuccine ao pesto de pinhão, o fruto da Araucária. De sobremesa, profiteroles com sorvete de creme regado com calada de chocolate. O som do piano deixa o clima ainda mais apaixonante.

- Jantar romântico:

A decoração é exclusiva! As cadeiras têm os pés vestidos com polainas e meias de lã. Nas mesas, delicados arranjos dão um charme especial e tornam o ambiente do Sans Souci ainda mais aconchegante. Ao entrar no bistrô, a música francesa dá as boas-vindas. No menu, 18 delícias que valorizam produtos regionais, desde a entrada até a sobremesa. A cozinha é autoral e segue o conceito Slow Food. Os pães servidos no couvert são feitos com fermentação natural, sem o uso de produtos químicos.


Uma dica é provar o chocolate quente belga. Aproveite o clima romântico e deguste abraçado ao seu amor. Além de bistrô, o Sans Souci é uma loja de roupas. As peças feitas de tricô são boas sugestões de presentes para o dia dos namorados, principalmente para os casais que gostam de comprar na última hora. As opções estão todas integradas ao ambiente do restaurante.

O lugar também já virou ponto turístico. O prédio, que parece um castelo, tem as paredes tomadas por trepadeiras. À noite, a arquitetura fica ainda mais imponente com milhares de luzes que contornam a construção. O visual é tão belo que já faz parte da paisagem de Campos do Jordão. Por isso, após o jantar, faça um ensaio fotográfico tendo o Sans Souci como cenário para a sua história de amor.

                                

- Registrando momentos:

Não somente o Sans Souci é moldura para fotos apaixonadas. O dia dos namorados também pode ser registrado de uma ponta a outra da cidade. A estrada de ferro, por exemplo, é um dos cenários mais procurados pelos casais. Sobre os trilhos ou ao lado deles, com o bondinho se aproximando ou com as folhas de Plátanos como tapetes naturais.

Um dos pontos mais comuns para esses ensaios é a estação do Grande Hotel Senac, onde a extensão dos trilhos permite fotos com o fundo desfocado, recurso que deixa os registros ainda mais artísticos. A estação Emílio Ribas, em Capivari, é outro local de destaque para ensaios fotográficos. Tem ainda o Horto Florestal, um verdadeiro santuário remanescente da Mata Atlântica com flora e fauna 
ameaçadas de extinção.


Uma dica dentro do Horto é o Bosque Vermelho, onde centenas de árvores exóticas trazidas da América do Norte e que mudam de cor a cada estação transformam a paisagem em uma pintura natural. Durante o outono, as folhas ficam com tom avermelhado e cobrem o chão. Nos dias ensolarados, bastante comuns nesta época do ano, ganham novas tonalidades. Para chegar até o bosque são cinco quilômetros de estrada de terra. Mas vale a pena a aventura para ter esta paisagem nas fotografias.

- Romance o ano inteiro:

Marcas registradas de Campos do Jordão, o pedalinho e o teleférico também são boas opções de roteiros para o dia dos namorados. Ambos ficam no Parque da Estrada de Ferro, em Capivari. No pequeno lago artificial, os casais embarcam em cines brancos e podem curtir momentos a sós. Já nas famosas cadeirinhas que sobem o Morro do Elefante, o passeio tem que ser individual.


A separação é temporária. A viagem dura cerca de 20 minutos. Lá de cima, juntos novamente podem apreciar a vista panorâmica da cidade mais alta do Brasil. E, claro, fazer muitas fotos românticas. Por isso, no dia dos namorados ou em qualquer outra data, em todas as estações do ano, o amor está na serra! Viva-o intensamente e torne-o inesquecível.


Fonte: Ana Laura

Nenhum comentário:

Postar um comentário