segunda-feira, 13 de maio de 2019

Confeitaria ofereceu torta folheada a ouro para o Dia das Mães


Doces como os vistos em filmes são raros no país, mas em Curitiba (PR), eles existem. Prova disso é a mais nova arte inventada pela Delícias Madrid, uma confeitaria legitimamente curitibana, localizada em um dos bairros mais charmosos da capital, o Juvevê.

Criação da Chef Cirlei Max Calzolaio, a torta folheada a ouro, batizada de Entremet El Dorado, remete à lenda do El Dorado, datada de 1.600 e contou com a ajuda do filho mais novo na sua confecção, Willian Max Calzolaio. 


“Reza a lenda que, quando os espanhóis vieram para a América e viram que aqui tinha muito ouro e prata, acreditavam que devia existir uma cidade feita inteiramente de ouro, portanto, el Dorado, que significa homem Dorado, devia ser um rei cujas vestimentas e até mesmo a pele eram recobertas em ouro”, conta o proprietário do estabelecimento, Andrew Max Calzolaio.

De origem espanhola, a família de Andrew resolveu unir o doce e a lenda que remete ao seu povo e criar uma torta exclusiva. “A entremeté coberta inteiramente por folhas de ouro comestível de 24 quilates. A receita, à base de biscuit, vai ganhar creme bavaroise com baunilha de Madagascar verdadeira, desenvolvido e aprimorado durante cinco anos pela minha mãe, a Chef Cirlei. 

A torta leva ainda geleia elaborada a base de frutas vermelhas e amoras colhidas da nossa amoreira orgânica, às 5 horas da manhã, por 2 horas, em uma manhã agradável, e riscos de ganache de chocolate Ruby belga (quarta cor de chocolate descoberto pela humanidade encontrado em apenas 3 partes do mundo), além da massa superleve, úmida e macia como uma nuvem fofinha”, conta Andrew.

A torta dourada está entre os doces mais caros do mundo e, devido a sua raridade, será fabricada em poucas unidades para celebrar o dia das mães com o apelo de “quão raro é o seu amor por sua mãe e quão rara ela é?”. 

- Mãos de fada à obra:

A fabricação foi complexa para a família toda que trabalha no estabelecimento, por conta disso, o público, que recebeu essa delícia, foi igualmente restrito e privilegiado. “Dizemos que a torta é feita somente para quem tem coragem, já que as últimas 100 expedições feitas em busca do El Dorado simplesmente sumiram. Ou foram comidos pelos canibais ou simplesmente o encontraram e nunca mais voltaram”, diz Andrew.



Fonte: Andrew Max Calzolaio

Nenhum comentário:

Postar um comentário