sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Turismo da China destaca a beleza do rio Yangtzé em primeiro evento no Brasil


O Ministério da Cultura e Turismo da República Popular da China promoveu na última sexta-feira, 19 de outubro , a “Noite do Turismo da China 2018: o charme do rio Yangtzé”, no Sheraton WTC, em São Paulo.

Organizado pelo escritório do Turismo da China em Nova York e realizado pela primeira vez na América Latina, o encontro reuniu profissionais de 15 destinos chineses que margeiam o rio Yangtzé com agentes e operadores brasileiros para um jantar que celebrou os atrativos culturais e turísticos de ambos os países.

A noite apresentou os principais pontos de interesse das diferentes províncias chineses e foi marcada por discursos das autoridades presentes, que enfatizaram a cooperação entre Brasil e China. 



“Segundo dados da Organização Mundial do Turismo, o consumo dos turistas chineses no exterior chegou a US$ 257,7 bilhões, o que contribuiu muito para o turismo e a economia mundial. Esperamos compartilhar com a indústria do turismo brasileira as oportunidades trazidas pelo rápido desenvolvimento da indústria de turismo da China”, destacou Zhang Xilong, diretor geral adjunto do departamento de intercâmbios internacionais e cooperação do Ministério da Cultura e Turismo da República Popular da China.


Alisson Braga de Andrade, coordenador geral de Inteligência Competitiva e Mercadológica da Embratur destacou os esforços do Brasil em estreitar relações com a China e impulsionar o fluxo turístico. 

Magda Nassar, presidente da Braztoa e vice-presidente da Abav, ressaltou o papel das operadoras brasileiras nesse crescimento, apontando a comercialização de R$ 12,7 bilhões em produtos turísticos no ano de 2017. Orlando Lindório de Faria, Secretário Municipal de Turismo e Secretário Executivo do Prefeito de São Paulo, enfatizou a multiculturalidade da capital paulista e a receptividade para as empresas e pessoas da China.


A cerimônia também trouxe apresentações de dança e música de ambos países. O entretenimento por parte da China ficou por conta da Dança do Leque da Primavera e das Meninas do Buda. Já o Brasil, mostrou uma acrobática demonstração de capoeira e clássicos da Bossa Nova. Um sorteio de prêmios típicos de cada região chinesa também animou a noite. Entre os presentes, haviam chás, conjunto de porcelanas, carteiras de couro, uma echarpe de seda tradicional, e até passeios como um cruzeiro pelo Rio Yangtzé.


Fonte : Amanda Boucault  / Fotos: Thais Falcão

Nenhum comentário:

Postar um comentário